POLÍCIA MILITAR PUBLICA EDITAL PARA 130 ALUNOS-OFICIAIS

A Polícia Militar publicou no Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (10) o edital para selecionar 130 novos alunos-oficiais para atuar em unidades da PM em todo Estado de São Paulo. As vagas para este concurso foram autorizadas em janeiro deste ano.

As inscrições começam às 10h do dia 15 de abril e terminam às 23h59 do dia 15 de maio deste ano. Os cadastros deverão ser realizados, exclusivamente, pelo site da FGV Projetos. A taxa é de R$ 130.

Publicidade:

Para inscrição e posse é preciso ser brasileiro; ter entre 17 e 30 anos, exceto para o candidato já pertencente aos quadros da Polícia Militar paulista; e estar em dia com as obrigações eleitorais e militares. As mulheres precisam ter altura mínima de 1,55 metro e os homens, de 1,60 m.

O futuro policial deve ter concluído o Ensino Médio e passar em todas as etapas do concurso, dentro do número de vagas. A remuneração inicial do aluno-oficial é de R$ 3.268, 33 incluindo o salário-base, o Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e o adicional de insalubridade.

Entre as mudanças deste edital está uma alteração na etapa do exame de aptidão física relacionado as mulheres. Sendo substituído o teste de flexão e extensão dos cotovelos no solo com apoio sob banco sueco para o teste de isometria na barra fixa.

Segundo o 1º tenente Scalco dos Santos, da Diretoria de Pessoal da PM, entre as considerações para a mudança do TAF estão: “A necessidade de facilitar questões técnicas e físicas de aplicação do teste, que afetavam negativamente a execução e o desempenho das candidatas e aprimorar a isonomia na avalição entre os sexos, na medida em que ambos serão avaliados por testes similares, resguardadas as devidas diferenças biológicas entre os sexos”.

A partir deste edital, também será exigido um exame sanguíneo o qual irá compor os demais exames de saúde, para detectar possíveis patologias previstas no certame. O exame será realizado pela própria equipe do centro médico da Polícia Militar.

O aluno-oficial da Polícia Militar tem como atribuição principal a gestão e comando da tropa bem como a busca de soluções para os variados problemas pertinentes às atividades jurídicas e administrativas de preservação da ordem pública e de polícia ostensiva.

Publicidade: